arqui]vos de antropo[logia

[D 5, 2]

Baudelaire define assim a impressão que o dândi perfeito deve despertar: “Eis talvez um homem rico, mais seguramente um Hércules sem emprego.” Baudelaire, L’Art Romantique, Paris, p. 96.

nota[s] do[s] editor[es]
[R.T.] Baudelaire, OC II, p. 712.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *